Câmara mantém prisão do Deputado Daniel Silveira

0
39

A Câmara dos Deputados votou e manteve a prisão de Daniel Silveira por 364 votos a favor, 130 contra e 3 abstenções, a prisão do deputado, de acordo com a Constituição Federal, deputados e senadores são invioláveis, civil e penalmente, por opiniões, palavras e votos e não poderão ser presos, salvo em flagrante de crime inafiançável.

Nestas situações, os autos são decididos em votação aberta pela a Câmara ou ao Senado.

“Eu assisti ao vídeo três vezes e precisei perceber, com critério absoluto de calma e cautela, que realmente ali as minhas palavras foram duras o suficiente até para mim mesmo.

Eu compreendi, vi que eu tinha outros modos para que eu pudesse expressar a minha fala”, disse.

“Eu gostaria de ressaltar que, em momento algum, consegui compreender o momento da raiva que ali me encontrava e peço desculpas a todo o Brasil. Foi um momento passional e me excedi de fato na fala”.

Silveira afirmou ainda que a repercussão da decisão em manter a sua prisão terá repercussões futuras, tanto para os parlamentares quanto para sociedade.

O Deputado Daniel Silveira participou da sessão de forma remota, direto do Batalhão Especial Prisional (BEP), em Niterói, onde está preso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui